Dados Técnicos
Corpo de Braille - Uma história escrita a seis mãos e ditada por uma voz
Autora: Odelita Figueiredo
Editora: Scortecci
Ficção: Literatura Brasileira
ISBN: 978-85-366-1025-2
Formato: 14 x 21 cm - 156 Páginas
1ª Edição 2007
Corpo de Braille
Este livro conta a história de uma mulher cega que viveu há mais de cinquenta anos numa fazenda do interior da Bahia, e que teve uma vida que eu não diria promíscua, mas que se relacionou com vários homens desde que houvesse algum interessante de sua parte.

Vivenciou muitos momentos difíceis em sua trajetória, mas não se deixou abater. Com coragem e inteligência, soube superar todas as dificuldades. É claro que a sorte também esteve ao seu lado.

Apesar de ter levado uma vida despreocupada de atender às regras de uma moral determinada, tinha também uma personalidade forte e não se submeteu a um tipo de vida imposto por outras pessoas, somente por ser deficiente visual.

Fugindo ao meu estilo escrevi este livro, e espero que o leitor consiga perceber o lado positivo desta história.
Odelita Figueiredo
Odelita Figueiredo é escritora e poetisa. Entre seus textos está a obra "O Desabrochar da Rosa", que reúne poemas sobre temas presentes, e poemas que regatam o passado e suas reminiscências.

Já nesse seu novo livro, Corpo de Braille,  Odelita fogiu do seus estilo habitual e escreveu um romance. "Recebi o diário sobre a vida de uma mulher cega, que viveu numa fazenda no interior da Bahia há mais de cinquenta anos, e resovi contar em livro", conta Odelita.