Dados Técnicos

Ipupiara e Ibipetum
Histórias de Lutas na Chapada Diamantina
Arides Leite Santos

Scortecci Editora
Viagens
ISBN 978-85-366-4351-9
Formato 14 x 21 cm
136 páginas
1ª edição - 2015

Ipupiara e Ibipetum

Na década de 1970, foram encontrados 112 fuzis sob o tablado da sala de sua residência, em Ibipetum, porém, imprestáveis para uso. Trata da comunidade que evoluiu até se tornar a bela cidade de Ipupiara, antes denominada Fundão (1847), depois Jordão (1918) e por fim Ipupiara (1943). Aborda a história de Artur Ribeiro dos Santos e sua batalha para emancipar Ipupiara/Ibipetum do município de Brotas de Macaúbas, que contou com a ajuda do amigo governador Juraci Magalhães. E narra a histórica rivalidade entre os políticos de Ibipetum e os de Ipupiara, bem como os fatos que marcaram as disputas eleitorais desde a primeira eleição, em outubro de 1958, até a última em outubro de 2012.

Este livro se propõe a fornecer conhecimento sobre a história de homens de valor estabelecidos em duas comunidades rivais na política, sim, mas que compartilhavam dos mesmos hábitos, costumes e valores; enfim, história de lutas travadas no ambiente da Chapada Diamantina, Bahia, Brasil.

Arides Leite Santos
Arides Leite Santos é natural de Ipupiara, cidade da Chapada Diamantina, região central do Estado da Bahia, onde nasceu e viveu até os 18 anos. É bacharel em Ciências Contábeis e em Direito pela Associação de Ensino Unificado do Distrito Federal (AEUDF). Fez MPA (Master Public Administration) em Controle Externo pela Fundação Getúlio Vargas (FGV/RJ), em 2001. Tem especialização em Direito Público e Controle Externo pela Universidade de Brasília (UnB), concluído em 2006, e especialização em Direito Constitucional pela Universidade Gama Filho (UGF), em 2013. Coautor da obra coletiva Estado Democrático, Direito Público e Controle Externo – Organizador: José Geraldo de Sousa Júnior, e autor dos livros História dos Batistas em Ipupiara (2009) e Tomada de Contas Especial – o exercício do contraditório perante o Tribunal de Contas da União (2014). É Auditor Federal de Controle Externo do Tribunal de Contas da União, desde 1995. Casado com Vilma Lúcia Gomes da Silva Santos, pai de Letícia, André e Ester.