OSASCO E SUA HISTÓRIA / Ana Lúcia M. Rocha Negrelli / Neyde Collino de Oliveira

Por que Osasco? O que é Oysaschum? “Gli amici avevano allora I'abitudine di incontrarsi nella casa di Antonio. Si davano appuntamento cosi: – Ci vediamo da Antonio di Osasco –, e fu semplice in seguito nominare nello stesso modo La città brasiliana”.
(do artigo da jornalista italiana Nicoletta Spallitta)

O professor Rossoni seguia a linha anarquista de Ferrer, cuja proposta para educar as crianças era a de que a escola deveria ser mista, isto é, meninos e meninas na mesma sala de aula; que se deveria conversar com as crianças, e não mandar nelas; que as crianças deveriam ter liberdade dentro da classe e o direito de fazer perguntas e de se interessar mais por uma matéria que por outra. Tudo isso provocava o escândalo da sociedade. No Senadinho proclamava-se: “A autonomia é necessária”. É hora de pensar em nossa tradição de cidade operária e progressista, de pensar no que foi o movimento de autonomia política e partir para a autonomia econômica e cultural.
(da entrevista com o Dr. Reinaldo de Oliveira)

A volta ao passado deixa de ser apenas um exercício de imaginação e invenção para tornar-se um estimulante, porém, penoso, exercício de pesquisa das peças de um quebra-cabeça que, uma vez armado e compreendido, permite-nos exclamar: “Isto sou eu”; ou “Isto é a minha comunidade”. (excerto da apresentação, feita por Nilo Odalia, da obra Osasco e sua História; Nilo Odalia, professor doutor universitário, foi presidente da Adunesp – Associação de Docentes da Unesp; ele próprio, um osasquense).

Neyde Collino de Oliveira nasceu em Osasco, descendente de uma das famílias italianas pioneiras que ali se fixaram. Professora, hoje aposentada, dedicou 32 anos ao magistério de 1º e 2º graus do Estado. Formada pelo Instituto de Educação Caetano de Campos, na época Escola Normal Modelo de São Paulo, e em Pedagogia, pela Faculdade de Educação Campos Salles, em São Paulo. Fez cursos de especialização, na USP, e de língua italiana, no Instituto Italiano de Cultura. Participou da luta histórica pela emancipação de Osasco.

Ana Lúcia Marquetti Rocha Negrelli, nascida em Osasco, descendente das primeiras famílias que lá se estabeleceram. Educadora, atua há 45 anos na cidade. Na Secretaria de Educação do Município de Osasco, trabalha como assistente técnica pedagógica do Observatório de Educação e é aposentada na rede estadual de ensino como professora. Formada pela escola normal do Colégio Nossa Senhora da Misericórdia, concluiu licenciatura em Português pela FFLCH – USP, complementação pedagógica, especialização em Administração e Supervisão Escolar na Faculdade Campos Salles, pós-graduação em Psicopedagogia na Fieo. Sempre em exercício na área da educação, em Osasco, dedicada e idealista, não só instruindo, mas educando segundo os modernos conceitos educacionais.

Serviço:

Osasco e Sua História
Ana Lúcia M. Rocha Negrelli
Neyde Collino de Oliveira
Scortecci Editora
História
ISBN 978-85-366-4261-1
Formato 14 x 21 cm
232 páginas
1ª Edição - 2016

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home