OPERAÇÕES UNITÁRIAS NAS INDÚSTRIAS FARMACÊUTICAS E DE ALIMENTOS / Gastão Rúbio de Sá Weyne

Uma indústria de processo químico funciona em dependência de operações unitárias ou conversões químicas.

Muitas dessas indústrias não realizam conversões químicas.

Nestes casos, são de processos químicos, embora não dependam de conversões químicas, em razão de trabalharem somente com ope-rações unitárias, ou seja, com transformações físicas.



Exemplos:

1) Indústria farmacêutica que compre matérias-primas para venda após encapsulamento;
2) Indústria de tintas;
3) Indústria farmacêutica que adquira produtos quími-cos comerciais para purificação através de operações unitárias e venda posterior. Desta forma, as operações unitárias sempre estão presentes em qualquer indús-tria de processo químico.

O professor Gastão Rúbio de Sá Weyne tem formação acadêmica e atividades multidis-ciplinares. É Engenheiro Químico pelo Instituto Militar de Engenharia, Bacharel e Licenciado em Matemática pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP, além de Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito da USP.

É Mestre, Doutor e Livredocente em Engenharia pela Escola Politécnica da USP, além de Doutor em Direito pela Faculdade de Direito da USP e Pós-doutorado em “Design Projects” pela University College London. Atualmente, é professor titular do Curso de Ciências Farmacêuticas da Faculdade de Medicina do ABC.

Serviço:

Operações Unitárias nas Indústrias Farmacêuticas e de Alimentos
Gastão Rúbio de Sá Weyne
Scortecci Editora
Engenharia Química
ISBN 978-85-366-0282-1
Formato 14 x 21 cm - 206 páginas
1ª edição - 2005

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home