A SINFONIA DO SILÊNCIO / Luciano Marinho

minirromance – A sinfonia do silêncio – do escritor recifense Luciano Marinho – é um diálogo intimista do autor com sua neta Maria, personagem central. Ela sofre de sérias insuficiências morfológico-cerebrais. Mas tem o dom do silêncio, imposto não só do ponto de vista biológico senão também ontológico. É, pois, um ser metafísico. Tem muito para nos ensinar sob o prisma do cotidiano existencial nosso de cada dia.  Maria, porém, não é Maria; mas sim, todas as Marias que dizem ser especiais e, na verdade, o são, porque têm um olhar privilegiado sobre o mundo e os homens. Ao ler o texto, o leitor ficará encantado.

Impressões do afeto

Li o livro “A sinfonia do silêncio”, de Luciano Marinho, que teve a gentileza de convidar-me, talvez por ser também avô de Maria, para tecer comentários sobre mais esta sua obra. De antemão, confesso ser difícil colocar-me como comentarista, diante de alguém que tem uma vasta experiência como professor, escritor, psicólogo e entendedor da alma humana. Usando, com profundidade, linguagem figurada, coloquial, relatando, com simplicidade e português impecável, o quotidiano de Maria.

Acho que muitos, talvez, não entendam esse diálogo expressado por Luciano, achando que ele esteja "perdido" em um universo onde só poetas, escritores, amantes e loucos são capazes de compreender. Perdoem-me os que não possuem o aguçamento da sensibilidade.

Lembrei-me de um jovem pai de filho autista que nos abordou – a mim e a minha mulher – quando passeávamos, na praça da Jaqueira, com a nossa netinha. Pediu-nos licença para se aproximar de Maria, pegou a sua mãozinha, beijou a sua testa, conversou com ela, rindo, dizendo que ela realmente era uma princesa. Teve como resposta um sorriso lindo e cheio de ternura. Naquele momento, senti que ele sabia que Maria tinha entendimento de tudo o que a ela era dirigido. São poucas as pessoas que se aproximam de crianças especiais de forma natural e espontânea.

Luciano, em seu livro, vê que Maria não é a nossa "bonequinha" que precisa de ajuda para viver. Maria é um espírito grandioso, livre, sem limitações! Veio ensinar um amor que transcende ao nosso entendimento. Como diz a nossa filha Fabiana, mãe de Maria, um amor "incomensuravelmente demais”. Eu consigo entender o diálogo do avô-escritor com a neta. Ensina-nos Maria este AMOR! Ensina-nos o mistério de Deus sobre nossas vidas. Luciano teve a coragem de colocar no papel o que todos nós, ligados à Maria, escrevemos no coração. - José Raimundo de Andrade Lima, advogado e humanista católico


Serviço:

A sinfonia do silêncio
Luciano Marinho

Scortecci Editora
Romance
ISBN 978-85-366-3673-3
Formato 12 x 18 cm 
72 páginas
1ª edição - 2014

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home