DESEJOS DA ALMA / Mei Santana

“A vida é efêmera e volátil, devemos estar mais tempo com quem amamos e desfrutar de cada segundo que a vida nos proporciona.”

Vida de Poeta
Aos poetas se veda a felicidade
Pobre corpo lacerado, desalmado, incompreendido
Às vezes um caricato afetivo, libertino
Esconde um amor não correspondido.

Seu olhar funesto reflete a morte
A morte de um amor, uma ferida
Que carrega no coração,
Chaga que nunca cicatriza!

Seu mundo é poesia, é emoção
É um ser de tristes versos
Escritos pelo coração.
Versos cruéis que desnudam a dor...
Que afogam os seus sonhos e sua paz interior.

Percebe que está em um terrível lugar
Janelas sem luz, fendas gradeadas,
Portas fechadas,
Uma prisão domiciliar.

Encarcerado na prisão do amor,
Do grande amor em que hoje vive
Quer se libertar,
Para um novo amor encontrar.

Seu nome de batismo é Rosemary Santana dos Santos, mas é conhecida por familiares e amigos como Mei Santana. Mineira da pequena cidade de Nanuque, Minas Gerais, atualmente vive em Paulínia, no interior paulista próximo a Campinas. Graduada em letras – português e espanhol e suas respectivas literaturas, e pós-graduada em Tradução e Interpretação, desempenha suas atividades profissionais como tradutora, professora e escritora. Viciada em trabalho e café, amante das Letras e dos filmes; curiosa, perfeccionista, estudiosa, maleável, confiável. Mei Santana é apaixonada por todos os assuntos relacionados a idiomas e tradução.

Serviço:

Desejos da Alma
Mei Santana

Scortecci Editora
Poesia
ISBN 978-85-366-4147-8
Formato 14 x 21 cm 
100 páginas
1ª edição - 2015

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home