CAMINHO DE SANTIAGO / Angelo Lage

Uma fantástica jornada pela rota de peregrinação mais percorrida do mundo. Ao longo dos 836 km que separam os montes Pirineus ao sul da França da Basílica de Santiago de Compostela na Espanha, o autor vive uma aventura real de dor, amor, fé, encontro, recomeço. Foram 25 dias caminhando sozinho por vales, montanhas, estradas, vinhedos. No final um certeza: Nunca é tarde para recomeçar uma vida; Nunca é tarde tentar ser feliz.

836 quilômetros separam Saint-Jean-Pied-de-Port, aos pés dos Montes Pirineus, no sul da França, da Basílica de Santiago de Compostela, na Galícia, Espanha. Mas, ao longo do percurso que liga esses dois pontos da Europa, há bem mais que vales e montanhas, igrejas e castelos, riachos e vinhedos. O chamado Caminho de Santiago de Compostela é muito mais do que uma simples aventura a ser empreendida a pé ou de bicicleta. De todos os cantos do mundo partem homens e mulheres que inexplicavelmente sentem-se chamados a percorrer a trilha que recebeu ao longo dos séculos reis, rainhas, santos, guerreiros, camponeses, religiosos e mais recentemente músicos, artistas, escritores, autoridades, celebridades de todos os gêneros, inclusive o Papa João Paulo II.

O que será que atrai pessoas do mundo inteiro para essa rota? Que magia essas terras escondem, capazes de continuar a atrair e fascinar tantos e cada vez mais peregrinos? Fé, coragem, superação, encontro, perdão, recomeço. Eis algumas das tantas atrações escondidas e descobertas por cada um que resolve deixar cravadas em terras espanholas as marcas de suas botas. Nos dias de hoje, o Caminho de Santiago é, sem dúvida, um enorme instrumento de renovação humana, espiritual e existencial para cada um daqueles que o percorrem. Foi o que se deu comigo ao longo dos 25 dias em que enveredei por essa fascinante jornada. Ao longo das etapas sorri, chorei, sofri, recomecei muitas vezes.

Fiz amigos, deixei e trouxe saudades. Porém o maior legado que a trilha do Apóstolo Tiago deixou dentro de meu coração e de minha alma foi a certeza de que minha vida não acaba aqui, a convicção de que nunca estive ou estarei sozinho, e a força e a coragem para acreditar de uma vez por todas, olhando sempre para frente, esquecendo o que ficou para trás, que depois de percorrer o Caminho de Santiago jamais serei o mesmo.

Casado, pai de três filhos, 51 anos, com formação profissional em diversas áreas, tais como Administração, Contabilidade, Indústrias Química e de Alimentos, especializei-me em consultoria para empresas de alimentação offshore e onshore. Minha juventude foi inquieta e muito precocemente ingressei em movimentos jovens religiosos e sociais, e posteriormente em movimentos ecumênicos que me levaram a participar de intercâmbios culturais e religiosos no Brasil e no exterior. Países como Itália, Portugal, França, Espanha e Angola foram por onde os engajamentos religiosos ou profissionais me levaram. Os estudos de Teologia e Filosofia foram a base dos meus passos. Sempre acreditei que não viemos a este mundo, em nossa rápida passagem pela terra, apenas para acabarmos nossa missão com algumas poucas flores murchas sobre uma lápide gelada. Creio – e entendi isso muito claramente na peregrinação a Santiago de Compostela – que cada um de nós tem um desígnio de amor a cumprir durante esta passagem por aqui. Por mais que nossa vida se apresente estéril e muitas vezes sem sentido, teremos sempre, como projeto individual, o dever de deixar atrás de nós, com nossa vida e nosso exemplo, um rastro de luz e amor para que muitos outros possam nos seguir, e assim, construirmos juntos, tijolo por tijolo, o mundo novo que queremos ou sonhamos.
Angelo Lage

Serviço:

Caminho de Santiago
Jamais Serei o Mesmo
Angelo Lage

Scortecci Editora
Viagens
ISBN 978-85-366-4223-9
Formato 14 x 21 cm 
196 páginas
1ª edição - 2015

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home