MARES, ONDAS E MEMÓRIAS / Osmar Tabosa

Assim como a história da minha vida e as rotas que segui, os mares enfurecidos que naveguei e as ondas que surfei, no vai e vem dos navios, meus filhos, ao romperem suas amarras, estão navegando. Vem traçando seus destinos e escrevendo suas próprias histórias.

Osmar Alves Tabosa nasceu no dia 27 de agosto de 1931, no distrito de Canadá, interior do Ceará. Suboficial reformado da Marinha Brasileira, bacharel em Economia, formado em Políticas e Estratégias pela Adesg – Associação de Diplomados da Escola Superior de Guerra, é casado e pai de seis filhos. Aos cinco anos, órfão de mãe, foi alfabetizado por sua madrasta. Após ser alfabetizado, foi enviado para a capital, Fortaleza, para melhorar os estudos, concluindo o antigo curso primário, hoje Ensino Fundamental 1. Já pelos idos de 1945, aos 12 anos, foi enviado para um convento de frades franciscanos alemães, fugidos da guerra, estudando lá por quatro anos. Concluiu, assim, o antigo curso ginasial. Em 1949, já com 16 anos, decide não retornar ao convento e resolve ingressar na Marinha de Guerra do Brasil, sendo aprovado com louvor para a Escola de Aprendizes de Marinheiros de Fortaleza (CE). Ao final do curso, em uma turma de 60 alunos, foi o primeiro colocado. Após concluir o curso na Escola de Aprendizes de Marinheiros, foi enviado para uma viagem de treinamento, no navio Veleiro Guanabara, até o Rio de Janeiro. Lá chegando, no ano de 1950, passa a integrar definitivamente os quadros da Marinha de Guerra do Brasil. Ainda no ano de 1950, foi designado para fazer parte da tripulação do poderoso navio de guerra Encouraçado Minas Gerais. No entanto, por ter sido o primeiro colocado na escola de formação de aprendizes, foi chamado para embarcar no navio escola Almirante Saldanha (foto capa), em uma viagem de treinamento e de formação de oficiais guardas-marinha, por um período de 11 meses, conhecendo diversos países. Ao regressar ao Brasil, foi aprovado nos testes de aptidão, para escolha de uma profissão, optando pela área de comunicações e especializando-se em radiotelegrafia. Após a especialização, foi seguindo carreira, chegando até o último posto da hierarquia permitido para militares, tendo iniciado a carreira como aprendiz. Foi professor de matemática e trabalhou em cursos preparatórios para cabos e sargentos da Marinha para ajudá-los em sua formação profissional, concursos e promoção. Em 1962, fundou, com alguns colegas, o clube Atlântico, para suboficiais e sargentos da Marinha do Brasil, na cidade de Natal (RN), tendo sua obra concluída e inaugurada em 12 de outubro do mesmo ano, sendo eleito para presidente por dois mandatos.

Serviço:

Mares, Ondas e Memórias
Osmar Tabosa

Scortecci Editora
Memórias
ISBN 978-85-366-4546-9
Formato 14 x 21 cm 
100 páginas
1ª edição - 2016 

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home