MEMÓRIAS DE GÁLIA / Laerte Mazeto

Amigo Laerte, sei e compreendo o trabalhão que você teve em pesquisas documentais, informações da geração sobrevivente, fotos, filmes, etc., para a montagem do seu primeiro e terceiro livros sobre a nossa geração anos 1950/60, na nossa querida e inesquecível Gália. Lendo seu primeiro livro, e agora o terceiro que estou tendo a honra de prefaciar, confesso que ao lembrar-me dos amigos que já se foram e dos que estão ainda por aí, como nós dois, senti uma saudade imensa daqueles tempos. Afinal, foi lá em Gália que a nossa geração firmou as amizades duradoras, tivemos as primeiras lições de cidadania, os primeiros ensinamentos religiosos, os primeiros entendimentos sobre a vida, as primeiras lágrimas, os primeiros sorrisos, os primeiros e inesquecíveis amores. Enfim, lá em Gália nós vivemos as primeiras ilusões.
Renato Luchiari

Em Memórias de Gália, Laerte Mazetto traça um itinerário amoroso de sua terra natal, ao relembrar as experiências vividas desde a tenra infância até os seus 19 anos de idade, quando partiu para os novos desafios da vida, deixando sua pacata cidade no oeste paulista, a “Princesinha da Seda”, para continuar os estudos e progredir na vida, na vibrante São Paulo. Em seu livro o autor dá ênfase especial às famílias galienses, através de uma viagem ao passado em que várias delas são mencionadas carinhosamente e sem qualquer distinção. Com algumas teve convivência, outras são destacadas por sua participação na vida econômica, social e cultural da comunidade. No seu longo passeio pelas ruas e avenidas de Gália, tece um amplo panorama de como era e como funcionava o comércio da época: as lojas, os empórios, as oficinas, os serviços públicos. Também tocante é sua referência a amigos e a pessoas que tiveram significado na vida da cidade, que são lembradas de maneira sóbria e sincera no capítulo “In Memoriam”. Em “Outras Histórias” apresenta uma criativa coleção de textos, onde se destacam os contos Emília e seu mundo invisível, dedicado à sua mãe, D. Maria Martins Mazetto, Pé de Manacá, Nove horas de trem, além de outros temas sempre atuais.
Isnard Isidro Rodrigues de Oliveira

Laerte Mazetto, nascido em Gália (SP), reside em São Paulo. Formado em Economia, atuou por muitos anos em Comércio Exterior, na área de Transporte Marítimo Internacional. Outras obras do autor: Gália – Décadas 1950/60 – Anos Dourados (2012) e Brasil Fantástico – Mitos e Lendas (2013).

Serviço:

Memórias de Gália
Laerte Mazetto

Scortecci Editora
Crônica
ISBN 978-85-366-4708-1
Formato 14 x 21 cm 
200 páginas
1ª edição - 2016 

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home