O QUE É O NADA? / Zionel Santana

Heidegger ressalta a importância da aclaração acerca do nada, por isso, ele faz esta indagação: por que há simplesmente o ente e não antes o nada? Dentro de sua concepção, ele coloca os caminhos por onde deveremos trilhar. Se há o ente e não antes o nada? O que está acontecendo? É que o homem está centralizando o seu pensamento em uma única forma de construir o conhecimento, em um só caminho, falta-lhe ousadia para conjeturar os três caminhos: do ser e o não ser e o da aparência.

Se nós centralizamos a nossa força somente no ser, também não teremos um conhecimento, e se o fizermos com o não ser e a aparência, também não teremos o conhecimento. A pergunta é: se há o primeiro caminho, por que não o segundo e o terceiro caminhos? O grande desafio heideggeriano é demonstrar os três caminhos na construção do pensamento. A preocupação heideggeriana é entender o ser, mas, para se aprofundar neste empreendimento, é necessário compreender a dinâmica do ser, que está vinculada ao nada e à aparência. Perguntar pelo ser é perguntar, também, pelo nada.

O nada na filosofia heideggeriana tem alguns conceitos básicos na compreensão de seu pensamento, mas esta compreensão é fundamental para traçar os caminhos que Heidegger nos indicou. Ele diz que a metafísica é a responsável pela investigação do ser, pois, antes de discutir a questão do nada, ele recupera a metafísica. Por isso, a sua preocupação em dizer o que é a metafísica. Há diversas concepções dentro da história sobre o que é metafísica, mas Heidegger volta à origem da filosofia para poder recuperar aquela metafísica originária, aquela que o orientava para esses caminhos. Heidegger faz uma comparação das metafísicas, "existem as metafísicas" que veremos no decorrer do trabalho. Mas a metafísica que lhe interessava é aquela que tem na sua base a preocupação em descobrir e revelar o ser.

Zionel Santana é doutor em Filosofia pela universidade Gama Filho – RJ. Mestre em Educação pela Universidade Vale do Rio Verde, Três Corações – MG. Graduado em Filosofia pelo Centro Educacional de Brusque – SC e Administração pelo Centro Universitário do Sul de Minas. Professor de EAD na Unincor/Três Corações, com a disciplina Desenvolvimento do Pensamento Filosófico, participa dos projetos de pesquisa do mestrado e doutorado da Unincor, na linha de pesquisa e formação de professor e ação docente.
E-mail: zionelsantana@hotmail.com

Serviço:

O Que é O Nada?
Reflexões Heideggerianas a Respeito do Ser e do Não Ser
Zionel Santana

Scortecci Editora
Filosofia
ISBN 978-85-366-4730-2
Formato 12 x 18 cm 
108 páginas
1ª edição - 2016

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home