A AUTOCONFIANÇA, OXIGÊNIO DA VIDA / Betth Ripolli

Quem me conheceu franzina, magrinha, sardenta nos anos 50-60, imagino que não me reconheceria hoje. Quem me conhece dos últimos tempos não tem ideia do que eu possa ter passado na vida. E superado. A proposta desta autobiografia é deixar uma mensagem que possa levar mais e mais pessoas a perceberem que toda e qualquer situação pela qual passamos na vida, em qualquer tempo, em qualquer lugar, tem um propósito.

Hoje, mais amadurecida, conhecedora de aspectos da personalidade humana, partilho com quem se propuser a conhecer minha história diversas passagens nas quais busquei força interior, entendimento, resiliência. Detalho, minuciosamente, que o que me salvou de uma doença abençoada e de uma crise magnífica foi minha autoconfiança. Esta não vem por acaso.  Requer determinação, coragem, enfrentamento. É preciso o maior de todos os amores, que é o amor por nós mesmos. É necessário se desvestir de crenças limitantes, ter força interior para encarar o novo, coragem para ousar no desconhecido, para que haja uma apropriação efetiva de nosso corpo, mente e alma. Ninguém é dono de ninguém, a não ser de si próprio. Somos soberanos sobre nossa individualidade, nosso pensar, sentir e querer.

Pequenos insights podem gerar grandes transformações. Há que se ter um desejo profundo de ir em frente, com flexibilidade, generosidade e humildade para aceitar e transformar aquilo que nos vem por quem sabe mais, seja pelos livros, cursos, terapias ou simplesmente por uma reflexão. A experiência dada pela escola da vida não tem preço. Se com ela pudermos vivenciar a liberdade, o compromisso e a escolha, forjaremos os pilares ideais para termos paz e equilíbrio interior. E, se tudo isso vier inundado de perdão e gratidão, estaremos a um passo do tão almejado equilíbrio do bem viver. Sempre bom começar de novo e saber que contamos, acima de tudo, com nós mesmos. Confie. Todo entardecer chegará a um amanhecer...

Conheci a Betth Ripolli no dia 12 de fevereiro de 1974. Os dez anos seguintes foram de muita alegria, crescendo saudável e feliz, dentro de uma estrutura familiar maravilhosa, repleta de amigos. Frequentávamos o Clube Paineiras do Morumby, a Escola Montessoriana da Vila Nova Conceição e viajávamos com frequência para Piracicaba. A partir de 1984, já tinha a sensação de uma mãe batalhadora, trabalhadora, sonhadora e expansiva. Sempre remou muito para educar seus filhos, oscilando sempre entre a rigidez na criação e o amor no coração. Sempre acertou muito mais do que errou, o que a tornou uma grande mulher.

Passamos juntos por muitos episódios. Os mais difíceis certamente foram os que nos trouxeram mais experiência. Os anos foram passando, e a evolução das décadas seguintes a tornaram essa pessoa espetacular, capaz de mover multidões. Sempre inovando, querendo se reinventar, emocionando e buscando o melhor ao próximo. Sem dúvida nenhuma, grande parte da minha personalidade hoje se deve a ela. Sou grato, orgulhoso e um grande torcedor. Pianista, palestrante, artista, mãe, avó. Torço para que todos os seus planos se materializem, tanto emocional quanto profissionalmente. Ela nunca deixará de sonhar, ser e buscar! Nessa empreitada, nesse nosso plano, espero sempre acompanhá-la.
Giulianno Ripoli Perri - Sócio-diretor gp3o

Alma de guerreira em mente multifuncional. Sabe aquela história do príncipe encantado? Pois é, na vida de Betth Ripolli ele virou sapo e não mandou o endereço – aliás, não fosse pela garra e determinação, literalmente a autora do livro teria conhecido o  brejo. Nascida em berço de princesa na interiorana Piracicaba, ela, apesar de pequena, já se mostrava maior do que o que lhe reservava a cidade onde seu pai era integrante do poder empresarial da época. Nadou, ganhou medalha; dançou, era destaque na iniciante TV tupiniquim. Queria mais, com aulas de música e inglês pagou a festa de casamento e embarcou no sonho da cidade grande e da família feliz.

Mas, como em todo conto de fadas, havia a fada má. Veio o fim da união, depois de dois filhos, e a necessidade de se bancar, correr atrás do próprio sustento. Na adversidade surgiu a guerreira, a mulher de fibra que abraçou o piano, fez dele uma empresa de eventos bem-sucedida, virou apresentadora e agora palestrante, embasada por dezenas de cursos de autoconhecimento. Como se a história parasse por aí, agora surge a escritora, de excelente texto e memória, não para gabar-se de seus feitos, mas com a boa intenção de ajudar outras mulheres de Atenas a seguir suas batalhas sem esmorecer. Não é preciso dizer que ela tem a força!
Luiz Carlos Franco - Jornalista, CEO – Primeira Página Assessoria de Comunicação, Editoração e Eventos

Betth Ripolli, palestrante motivacional, pianista, compositora, comunicadora de TV on-line, empresária musical.

Serviço:

A Autoconfiança, Oxigênio da Vida
Respira... Está Tudo Aí!
Betth Ripolli
Scortecci Editora
Autobiografia
ISBN 978-85-366-4774-6
Formato 14 x 21 cm 
 páginas
1ª edição - 2016

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home