A HISTÓRIA DO MEU VIOLÃO EM FOTOS E NARRATIVAS / Gastão Weyne

Minha paixão pelo violão é antiga, mas somente iniciei a aprendizagem do instrumento aos 12 anos. Meu pai era também um apaixonado pela música e conversou com um famoso violonista de Fortaleza (CE), Afonso Ayres, componente do conjunto regional da Ceará Rádio Clube, a PRE-9, única emissora de rádio da cidade na época, para que fosse meu professor.

Recebi aulas de grande valia e, pouco após, eu já participava de um conjunto vocal denominado “Estudantes do Ritmo” (Adolmar, Maurício, Hernani, José Mário e Gastão) que se apresentava em instituições como o Serviço Social do Comércio (SESC), a Associação Cristã de Moços e a Pequena Sociedade de Amigos do Livro – PSAL (da qual fui um dos fundadores), todas na cidade de Fortaleza (CE). A minha aprendizagem de violão – que continua por toda a vida – recebeu um grande impulso quando conheci o Professor Francisco Soares de Souza, Fiscal de Renda do Estado do Ceará, um violonista e compositor de talento imenso, um orgulho do Ceará, que me ensinou as primeiras noções de música.

Frequentei sua casa por muito tempo, até sua morte. A história do meu violão, a meu ver, compreende as fases assim denominadas: 1. Aprendizagem inicial de violão; 2. Latência de atividades ao violão; 3. Reencontro com o choro; 4. Composições e apresentações. A ideia de publicar este livro surgiu quando o autor fazia uma revisão de seus arquivos fotográficos de há muito guardados e esquecidos. Verifiquei nessa tarefa que a quantidade de fotografias tiradas ao lado de meus amigos músicos era significativa e, então, senti a necessidade de publicar este livro, que mostra a minha convivência com grandes nomes da música instrumental brasileira ou com expoentes da musicologia do país. O presente livro, portanto, é uma tentativa temerária de divulgar as passagens de minha vida musical e, mais que isso, mostrar as fases da vida dos meus grandes amigos instrumentistas ou amantes da música.

Todos os momentos aqui revividos anunciam acontecimentos que, pequenos que possam parecer, são parte da história do violão em nosso país. Logo, são inapagáveis e, a meu ver, merecem e devem ser divulgados. São Paulo, setembro de 2016. O Autor P.S.: A imagem do autor na capa que criei para este livro foi extraída de um quadro que adquiri do consagrado artista Tom Ruthz, quando fui o Coordenador do Curso de Direito da UNIPALMARES-SP.

GASTÃO RÚBIO DE SÁ WEYNE, de formação multidisciplinar, é Tenente-Coronel Reformado do Exército e sofreu repressão durante a ditadura militar. Vem dedicando a maior parte de sua vida ao ensino e à pesquisa em três áreas: 1) DIREITO E LITERATURA – É Advogado e Bacharel em Direito (FDUSP) e Doutor em Filosofia do Direito (FDUSP); 2) ENGENHARIA QUÍMICA – É Engenheiro Químico pelo IME-RJ; Mestre, Doutor e Livre-Docente em Engenharia Química (EPUSP); Pós-Doutorado em Design Projects pelo University College de Londres; 3) MATEMÁTICA – É Bacharel e Licenciado em Matemática (Instituto de Matemática e Estatística – USP) e Doutor em Educação Matemática pela PUC-SP. É Professor Associado, aposentado, do Departamento de Engenharia Química da EPUSP. Foi Professor Titular das seguintes instituições de São Paulo: PUC-SP, Universidade Mackenzie-SP (onde foi Diretor da Escola de Engenharia), Fundação Armando Álvares Penteado – FAAP-SP (Titular Pleno), Faculdades Oswaldo Cruz-SP e Faculdade de Medicina do ABC-SP, onde concluiu Livre-Docência em Operações Unitárias na Indústria de Medicamentos e Alimentos. Foi um dos fundadores e Coordenador do Curso de Direito da Unipalmares-SP, além de Professor Titular nesta instituição por cerca de 5 anos. É Advogado e Perito da Justiça Federal de Campinas-SP há mais de 30 anos. Publicou mais de 40 livros, escreveu mais de 100 artigos em revistas e participou de mais de 50 congressos. Formou mais de 10 pesquisadores (Mestres e Doutores) na Escola Politécnica da USP. É Grande Inspetor Geral da Maçonaria (grau 33). É violonista, lançando diversos CDs e um álbum com 19 músicas de sua autoria, publicado pela Editora Irmãos Vitale, de São Paulo. É Membro Efetivo da Academia Luso-Brasileira de Letras-RJ, da União Brasileira de Escritores-SP, da União Brasileira de Compositores-SP e da Ordem dos Músicos do Brasil-SP.

Serviço:

A História do Meu Violão em Fotos e Narrativas
Minha Convivência com Grandes Instrumentistas Brasileiros
Gastão Weyne

Scortecci Editora
Autobiografia
ISBN 978-85-366-4901-6
Formato 14 x 21 cm 
112 páginas
1ª edição - 2016

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home