OXENTE, COMPANHEIRO, ATÉ VOCÊ? / Hélio Motta

Trecho do livro Oxente, companheiro, até você? - Uma alegoria underground na  Bahia dos anos 60, de Hélio Motta: A Waldirene era dessas moças namoradeiras de cidade do interior quando, inesperadamente, fica grávida e o pai, por tradição, a expulsa de casa. Conhece um escroque que a convida para morar na capital, Salvador. O sujeito tem um primo que é o narrador da estória, um cara metido no movimento estudantil, mais jovem e disposto a novas aventuras.

A moça vai morar no 'aparelho' da turma e, de acordo com os planos do seu protetor, vira prostituta e dançarina de cabaré. O narrador acaba se apaixonando por ela, mas ela resiste e aí, bem, só lendo o livro. A estória é ambientada no ano de 1968, em Salvador e um pouco em São Félix, cidade natal da Waldirene, e permeada pelos acontecimentos estudantis que tanto marcaram a época.

Hélio Pereira da Motta Filho, conhecido  entre os amigos como Hélio Motta, tem 57 anos, nasceu em Salvador - BA, é casado e possui dois filhos. Formado em Administração de Empresas pela Universidade Federal da Bahia, tem pós-graduação em Finanças e mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina.

É aposentado pelo Estado da Bahia como Auditor Fiscal da Secretaria da Fazenda e professor universitário. Este é seu primeiro ensaio como romancista, pois já escreveu vários artigos, monografias e dissertações técnicas. Mora em Salvador, no bairro da Graça.

SERVIÇO:

Oxente, companheiro, até você?
Hélio Pereira da Motta Filho

ISBN 85-366-0506-5
Ficção brasileira - JS 3928
Formato 14 x 21 cm - 144 páginas
1ª Edição - Ano 2005

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home