ESTESIA / Roberto Ribeiro De Luca

Que saudades de ti! Fomos tão unidos, derramados juntos num único molde, instruídos em diversos assuntos místicos. Multiplicamos virtudes, dizimamos vaidades, para nossas ebúrneas intenções não havia obstáculos. A magia era tanta, que o estalo de meu riso compassado, frouxo, encantava, provocava arroubos nos tristes, o teu gosto intenso, ilimitado, pela vida, dissuadia todas as intenções de morte – chamavam-te de santa, isso corria unânime –, e a alegria exuberava, esplendorosa! Hoje habitamos cada um nova morada, nem sequer nos conhecemos. Paguei alto resgate pela vida de outrora, da qual fui o próprio refém. Alheios de mim, distantes, anos a fio se passaram perdidos, não me podiam avistar lá no fundo do oceano, amarrado com algas e lágrimas, coberto de dúvidas e sal. Somente há pouco venci a loucura dos redemoinhos e voltei à superfície, heroicamente. Bem sabes o quanto persevero. Estou mais reservado e cauteloso, menos confiante e feliz... Arrojos? Mostramos tantos, lembras-te? São tíbios sem tua companhia, sinto-os vazios. Não me tens notícias detalhadas por estar ausente o tempo delas. Esperemo-lo sem pressa. Talvez haja delação, o universo conspire, e a alquimia nos permita, antes do fim, pelo menos, um breve encontro. Que saudades de ti!

Nasceu em São Paulo em 25 de março de 1961, filho do médico e escritor Olindo De Luca e de Maria Aparecida Ribeiro De Luca, naturais de Limeira/SP. Nessa cidade passou a residir com tenra idade. Em 1978, mudou-se para a capital paulista, a fim de completar o Ensino Médio e preparar-se para a Universidade. Formou-se em História e em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP. Exerceu a advocacia por vários anos. É funcionário público estadual desde 1993, sócio do Instituto Genealógico Brasileiro, da Associação Brasileira de Pesquisadores de História e Genealogia – ASBRAP, conselheiro da Sociedade Pró-Memória de Limeira, membro efetivo da Academia Limeirense de Letras – ALLe, titular da cadeira 26. Participou com textos escritos na adolescência da coletânea Escritores do Brasil, no ano de 1978, organizada por Aparício Fernandes. Outros textos de sua autoria, e da mesma época, foram publicados no livro Dá-me Tuas Mãos, de autores limeirenses, sendo esses escritos apenas um primeiro contato com o mundo das letras. No ano 2000, publicou o trabalho de compilação genealógica intitulado Ascendentes e Descendentes do Alferes Joaquim Franco de Camargo e Maria Lourença de Moraes, pela editora Edicon. Tem em preparo outros trabalhos genealógicos, envolvendo famílias que viveram em Limeira, na Bahia, e em Portugal. A partir de 2007, sentindo-se amadurecido e pronto para elaboração de poemas, passou a desenvolver o presente livro, o qual considera seu primeiro trabalho de cunho literário. Divorciado, pai de Flávia.
Contato:
roberto2316@terra.com.br 

Serviço:

Estesia
Roberto Ribeiro De Luca

Scortecci Editora
Poesia
ISBN 978-85-366-2017-6
Formato 14 x 21 cm 
80 páginas
1ª edição - 2011

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home