FOLHAS SECAS / Dúlcio da Silva Mendes

A vida nos oferece alternativas de escolha, frente a diferentes situações. Somos racionais e, por isso, responsáveis pelos resultados decorrentes de decisões nossas. Folhas Secas oferece ao leitor a oportunidade de viver a saga de uma família de classe média, igual a tantas outras que, como ela, em dado momento de sua trajetória, se vê frente a uma série de problemas criados por uma decisão tomada pelo pai, seu provedor emocional e financeiramente.

No ano de 1986, o que deveria ser apenas mais uma breve viagem a serviço à Belém do Pará, costumeiramente ocorridas antes, trouxe a Carlos e, principalmente, à sua esposa e três filhos, residentes em Macapá, capital do então Território Federal do Amapá, momentos de apreensão e dificuldades nunca antes vividos. Folhas Secas é uma obra de ficção. No entanto, ela se confunde com muitas que a realidade produz, por todos os lugares deste nosso Brasil. Que sirva para uma reflexão e que possa nos tornar ainda mais responsáveis por cada ato e decisão tomados em nosso dia a dia.
Dúlcio da Silva Mendes

Dúlcio da Silva Mendes é gaúcho de Dom Pedrito-RS, onde nasceu em 26 de Setembro de 1947. Filho de Pedro Teixeira Mendes e de Rosa Elvira da Silva Mendes, possui dez irmãos. Odontólogo, formado pela UFRGS - Porto Alegre/RS em 1977, tendo como colega e companheira a esposa e, formanda da mesma turma, a Odontóloga Esther Maria Lopes Mendes. Tem dois filhos Odontólogos Dúlcio e Leonardo e quatro netos: Luana, Leo, Arthur e Lucas. Membro do Lions Clube Guajará-Mirim – "Berço do Leonismo brasileiro" e também um dos fundadores da Academia Guajaramirense de Letras – AGL. Amante dos esportes – principalmente futebol – o autor é torcedor do Grêmio de Porto Alegre e lembra com saudades do tempo em que jogou e presidiu o Esporte Clube Marechal Rondon de Guajará-Mirim - RO, profissional pelo Sul America de Manaus e Campeão do Copão da Amazônia pelo Trem Desportivo Clube de Macapá, em 1986. Libriano, tem como hobby a pintura e a escultura em madeira. Uma obra sua, tela em tinta à óleo "Esperança" foi premiada e utilizada para ilustração de Cartofilia, com 10.000 reproduções para atender a colecionadores.  Possui obras de escultura em madeira, doadas e expostas no quartel do 6º BIS em Guajará-Mirim/RO. Colunista em jornais de algumas cidades onde residiu, enquanto militar da ativa, tendo escrito seu primeiro livro – O Filho do Padre – em sua passagem por Macapá - AP. Foi lá também que encontrou inspiração para escrever Folhas Secas.

Serviço:

Folhas Secas
Dúlcio da Silva Mendes
Scortecci Editora
Ficção
ISBN 978-85-366-2216-3
Formato 14 x 21 cm 
180 páginas
1ª edição - 2011

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home