COMPETÊNCIAS E PRÁTICAS SOCIAIS DE PROMOÇÃO E VIGILÂNCIA À SAÚDE NA CIDADE DO RECIFE: O AGENTE DE SAÚDE EM FOCO

A Estratégia Saúde da Família e o Programa de Saúde Ambiental, políticas públicas implantadas na cidade do Recife – PE, implicam em práticas sociais que tanto produzem espaços educativos como são resultantes desses espaços. Elas correspondem a competências e habilidades sociais capazes de fazer com que os integrantes dessas políticas, em especial os agentes de saúde, desenvolvam um conhecimento geográfico capaz de promover a materialização dessas políticas, na medida em que percebem elementos na paisagem e apropriam-se do território.

No livro Competências e práticas sociais de promoção e vigilância à saúde na cidade do Recife: o agente de saúde em foco, a autora busca contextualizar a espacialização das práticas sociais desses agentes na cidade do Recife, em Pernambuco, a partir da análise do conhecimento geográfico desses profissionais. Resultante das descobertas obtidas em tese de doutoramento, esta obra resgata elementos importantes para análise da eficiência das políticas públicas ao fornecer perspectivas diferenciadas para o entendimento da produção e apropriação dos territórios. Essas perspectivas possibilitam evidenciar que, quanto mais complexo o nível de desenvolvimento das competências e habilidades sociais dos ACS e ASA, melhor se expressa o conhecimento geográfico desses agentes.

A atual conjuntura socioespacial tem direcionado os pesquisadores e gestores públicos ao desenvolvimento de atividades e ações que valorizem cada vez mais o princípio da transdisciplinaridade, especialmente quando se trata de políticas públicas que envolvem questões de interesse coletivo, a exemplo da relação saúde-ambiente. Mais do que resultado de uma pesquisa de doutoramento, defendida  na Universidade Estadual Paulista (UNESP), Competências e práticas sociais de promoção e vigilância à saúde na cidade do Recife: o agente de saúde em foco trata de um estudo qualitativo sobre duas Políticas Públicas que interferem di-retamente no ordenamento socio-ambiental: Estratégia Saúde da Família (ESF) e Programa de Saúde Ambiental (PSA), conforme denominação adotada por cada gestão municipal.

A obra, que tem como recorte territorial a cidade do Recife (PE), está pautada na análise das práticas dos agentes de saúde na apropriação do território e percepção da paisagem, enquanto expressões das competências e habilidades desses sujeitos sociais a partir de influências multiescalares. Tudo isso foi feito objetivando a aproximação de conhecimentos advindos de saberes de áreas diferenciadas, tais como a Saúde Coletiva, Educação, Geografia, Administração, Psicologia e Planejamento Urbano.

Martha Priscila Bezerra Pereira é doutora em Geografia pela UNESP e tem experiência na área de Metodologia da Pesquisa e Geografia da Saúde. Desde a graduação vem trabalhando com questões relacionadas à Geografia da Saúde, abordando-a a partir das perspectivas da Vigilância Sanitária, da Vigilância Ambiental e da Estratégia Saúde da Família. Já atuou como professora no doutorado interinstitucional entre a FIOCRUZ e UFPB na área da Saúde Coletiva. Atualmente é professora adjunta I da UFCG, pesquisadora do Grupo de Pesquisas Integradas em Desenvolvimento Socioterritorial (GIDS), atuando na linha de pesquisa Metodologia da Geografia, e líder do Grupo de Pesquisa em Geografia para Promoção de Saúde (Pró-saúde geo), desenvolvendo estudos socio-espaciais relacionados a interação saúde-ambiente, com ênfase nas Políticas Públicas de Saúde. Para conhecer mais o trabalho da autora: www.prosaudegeo.com.br

Serviço:

Competências e Práticas Sociais de Promoção e Vigilância à Saúde na Cidade de Recife: O Agente de Saúde em Foco
Martha Priscila Bezerra Pereira
Scortecci Editora
Educação
ISBN 978-85-366-2180-7
Formato 14 x 21 cm 
352 páginas
1ª edição - 2011

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home