A DERROTA DE PENINA / Onã Silva

A vida de Penina era envolta de muitos mistérios... A vida de Ana era envolta de grande esperança... Tudo começou a mudar na história destas mulheres quando Deus revelou o que estava oculto, nas trevas. Este romance apresenta uma trama cheia de suspense e mistério, envolvendo vários acontecimentos e sentimentos como amor/ódio, alegria/tristeza, água/sangue, fé/incredulidade, paz/guerra, mistério/revelação, luta/vitória e muito mais. São muitas as emoções que o leitor encontrará no decorrer das páginas e no desfecho surpreendente de A Derrota de Penina e A Vitória de Ana.

A Derrota de Penina
A vida de Penina era envolta de muitos mistérios...
A casa de Penina vivia dias de reviravoltas.
Diferentemente da mulher calma que sempre aparentara ser,  mostrava-se outra pessoa: atormentada, inquieta e bastante atribulada.
Penina revelou um pouco do seu passado agora que não podia mais esconder as suas mentiras.
A tempestade deixou Penina em vigília.
Ela não conseguia dormir em dias de tempestade.
A sua alma estava atormentada.
Andava para lá e para cá, conversando sozinha.
A voz de Penina era grave, tão grave, que parecia um relâmpago riscando o céu da cidade de Vitória.

A Vitória de Ana
Eu era a mais infeliz de
todas as mulheres
Meu ventre era como árvore morta
Era uma terra sem vida, sem folhas, sem frutos
Estéril... vazio... doente...
Os dias passavam...
e eu continuava como
árvore murcha:
não havia esperança
e meu coração adoecia.
Eu me alimentava de lágrimas
durante o dia
e de choro durante a noite.
Mas chegou o dia em que pude ouvir
Uma voz surgindo
no meio das águas
Das águas purificadoras
A voz era tremenda e dizia:
“Clama a mim, minha filha,
Há esperança para você!”
Era a voz do meu Deus,
Meu Deus Eloim
Aquele traz à existência as
coisas que não existem
O Deus Eloim que faz
a árvore cortada
Renascer e dar muitos frutos.
E eu mergulhei naquelas águas
E foi ao cheiro das águas
Muitas águas
Que pude contemplar:
Do meu ventre, outrora, sem vida
Brotando rebentos de vida
Ramos benditos como oliveira nova
Meus filhos, meus amados filhos
Que nasceram porque pedi a Deus
E Ele ouviu o meu clamor.
Filhos Benditos.

Serviço:

A Derrota de Penina
Onã Silva
Scortecci Editora / REBRA
Ficção
ISBN 978-85-366-2630-7
Formato 14 x 21 cm 
108 páginas
1ª edição - 2012

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home