A CONFERÊNCIA / Ambra J. E.

No dia 7 de julho de 1999 dá-se o encontro de algumas das maiores inteligências que já passaram pela Terra. Grandes personalidades como Jesus Cristo, Mulla Nasrudin, Buda, Einstein, Darwin, Lama Govinda, Allan Kardec, Shakespeare, Blavatsky, Heisenberg, Platão, Noé, Karl Marx, Krishnamurti, Confúcio, Sartre e outros, atendem ao “convite” para participar de A Conferência. Esta conversa entre eles acaba por constituir-se numa abrangente ECO-92, onde são discutidos, filosoficamente, assuntos que abordam a sabedoria, a espiritualidade e mesmo uma ecologia holística – tudo em busca da salvação do planeta Terra e sua civilização humana.

Mulla Nasrudin: Talvez o senhor Einstein tenha razão, pois se não houver equipamento disponível para transformar energia em massa ao quadrado da velocidade da luz, colocaremos então os homens dentro de aceleradores de partículas correndo até estarem eles mes-mos ao quadrado da velocidade da luz, alimentando-se assim da matéria criada. Além disso, os homens poderão fazer exercícios para estar com o corpo fisicamente sempre em boa forma. Já que não se pode trazer a matéria criada ao quadrado da velocidade da luz para a Terra, pois parece que ela se dissolveria e voltaria a ser energia instável, levaremos então os homens até ela, objetivando satisfazer suas necessidades alimentares.
Blavatsky: Desculpe-me, senhor Mulla Nasrudin, mas tive a sensação de que o senhor está a nos fazer de bobos nesta corte conferencial, ao mesmo tempo em que transforma nosso companheiro Einstein, com seu invejável cérebro, em histrião central desta mesma corte, relativamente a tudo o que aqui já falamos.
Intermediador: Peço um breve aparte para mostrar que nada de mal há no que o Mulla Nasrudin acaba de proclamar. Gostaria de relembrar, em primeiro lugar, que o Mulla Nasrudin é uma lenda, não tendo efetivamente vivido na Terra como vós. Ele está aqui presente apenas por graça do Incriado, que julgou materializá-lo da forma em que nós também nos encontramos. Ele simboliza grande parte do conhecimento dos sufis, que em muitas peripécias estranhas ou aparentemente desconexas revelam um saber extraordinário. Quero crer com quase certeza que seu discurso tenha duplo sentido, na tentativa de nos mostrar o caminho de duas vias ou alternativas, que, apesar de tecnicamente ser desconhecido por ele, apresenta-nos de forma a pensar nele também.

Serviço:

A Conferência
Ambra J.E.
Scortecci Editora
Ficção
ISBN 978-85-366-2969-8
Formato 14 x 21 cm 
112 páginas
2ª edição - 2012

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home