LINDAS LENDAS BRASILEIRAS / REBRA

Há 15 anos, em 8 de março, Dia Internacional da Mulher, um pequeno grupo de mulheres, liderado pela escritora Joyce Cavalccante, acendia a vela que iluminaria e daria vida a um sonho coletivo. Nascia, pioneira, a REBRA: Rede de Escritoras Brasileiras. A motivação: ajudar escritoras a concretizar seus sonhos. Como vela que ao acender outra vela nada perde de sua chama, a REBRA foi iluminando as almas femininas. Letra a letra, prosa e poesia foram sendo escritas por mãos guerreiras, irmãs em um mesmo ofício.

Hoje, somos quase 5 mil associadas. Rompemos as fronteiras  e já estamos representadas em 10 países. Espalhamos a Literatura Feminina Brasileira. Somos lidas, debatidas em universidades. Colecionamos vitórias e prêmios. Nesse aniversário, comemoramos orgulhosas o sonho realizado e o presente é de todos: a Arte. Sobre todo o caminho percorrido, cabe dizer: Valeu a graça!
Sabine Cavalcante - Escritora, mestra e psicóloga

Joyce e suas amazonas surpreendem tudo e todos. Galopam pensamentos de flor, galhos, árvores e mundos. Encantam de prosa todos os dias, a cada livro, a cada ponto de encontro e em todos os segredos de Gaia.
João Scortecci - Poeta e editor

Há quinze anos a REBRA foi concebida sem espaço para limites. Tem cumprido suas metas formais, mas nunca logrará satisfazer o tamanho dos seus sonhos, cujo objetivo é claro e compacto: alargar as oportunidades das mulheres escritoras de nosso país, expondo seus respectivos talentos. No entanto, nesse espaço de tempo, já conseguiu alterar visivelmente o perfil da literatura brasileira incluindo a participação feminina em justa proporção, antes omitida nesse panorama.
Fernanda de Sá

Que haja mais encontros de escritoras brasileiras contemporâneas como o que vivenciamos em Nova Iorque, em 2009. Que a cada ano, a REBRA, sob a direção da fundadora e atual presidente Joyce Cavalccante, publique uma nova antologia de textos de um número cada vez mais crescente de escritoras. Que os encontros e as antologias futuras sirvam para levar ao conhecimento de um público cada vez maior, múltiplas vozes femininas. Que essas vozes encontrem, por sua vez, tradução em outras línguas.
Peggy L. Sharpe - Professor of Spanish and Portuguese, Department of Modern Languages and Linguistics, Florida State University.

Joyce Cavalccante criou algo inusitado; uma associação de mulheres escritoras: a REBRA. Acompanhei sua luta como também seu sucesso. Vocês nem sabem o que isso custou. Mas, com tenacidade que só um sonho concebe, ela foi em frente, porque confiava que todas vocês tinham algo  importante a dizer, como estão dizendo aqui. E que esse dizer não poderia ficar anônimo. Aliás, essa é a grande missão de Joyce, desvendar, dar a voz a quem se cala.
Neide Archanjo - Poeta e advogada

Joyce Cavalccante, fundadora, presidente e mega-musa da inspiração da REBRA, conseguiu juntar os textos mais criativos, mais inovadores, mais apetitosos que vêm sendo produzidos no Brasil atual. Até certo ponto, é apenas uma coincidência que o maior talento literário se encontre na caneta que está na mão da mulher. Em outro sentido, é pura conscientização sociopolítica de realidades anteriormente ignoradas ou esquecidas. Está na hora de celebrar esse dinamismo textual, a-dor-ando a dor aqui inscrita e resgatando a feminilidade da palavra “amor”.
Steven F. Butterman - PHD Universidade de Miami - Coral Gables, Flórida, EUA

Serviço:

Lindas Lendas Brasileiras
REBRA

Scortecci Editora
Poesia
ISBN 978-85-366-3591-0
Formato 14 x 21 cm 
260 páginas
1ª edição - 2014

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home