MEIA - NOITE, NA AVENIDA PAULISTA / Queiroz Queiroz

Em uma palavra, a opinião de algumas pessoas que leram o manuscrito:
“Magnífico” – Dora Souza
“Emocionante” – Marco Oliveira
“Surpreendente” – Mariel Munhoz


Fernando, um mordomo, transita diariamente entre o mundo da excelência e perfeição da hotelaria de luxo, em contraste com a crua realidade da grande metrópole. Aos poucos, acaba estabelecendo uma intrigante relação com um morador de rua. Quem seria aquele senhor? O que o teria levado a se tornar mendigo?

Por meio das aventuras vividas pelo mordomo com os hóspedes do hotel, a escrita suave e divertida de Queiroz Queiroz mantém o leitor aprisionado no texto. Contudo, enquanto provoca a curiosidade para desvendarmos o segredo da trama, o autor nos pega de surpresa e revela um desfecho surpreendente e emocionante.
Marcelo de Alcântara Escritor

O encontro casual entre duas gerações oportuniza a fusão de dois ingredientes muito opostos: a opulência e a escassez. Qual a conexão entre vidas tão distantes e distintas? Qual será o produto final desta mistura tão diferente e tão igual ao mesmo tempo? Existe sempre alguma coisa sobre nós mesmos, que algumas vezes dependemos de outros para descobrir.

Queiroz Queiroz, escritor, ator e colunista, conhecido na hotelaria como mordomo exemplar,  nos conduz neste livro a pensar, quantas vezes essa história já não pode ter sido verdade em nossas vidas. Com muita habilidade, ele vai fazer você querer ler esta obra mais de uma vez. Baiano da cidade de Simões Filho e paulistano de coração, trabalho no ramo de hotéis há mais de trinta anos nas mais diversas funções, desde supervisor de telefonia internacional até mordomo, onde me identifiquei plenamente com a função. Colaborei com grandes redes de hotéis de luxo em diversas cidades, por onde fui acumulando toda a “bagagem” que exponho atualmente nos meus livros. A paixão pelo trabalho na mordomia foi automática nesta minha trajetória. Identifiquei-me imediatamente com este segmento e não “desgrudei” mais. Era aquilo que eu queria. Era exatamente isso que eu procurava. Não faltaram cursos na própria rede de luxo para que minhas aptidões fossem melhoradas. A qualificação de mão de obra especializada no mercado é escassa, porém este segmento tem se tornado muito exigente. O cliente que for acompanhado por um mordomo na sua estadia, e perceber os benefícios que este pode lhe prestar, não abre mão deste profissional daí em diante. Sempre me destaquei nos cursos e não demorava muito para que eu fosse o orientador no treinamento dos novos colaboradores, devido à minha desenvoltura e habilidades na função. Constantemente voltado para os valores da empresa e  do ser humano ao mesmo tempo, através da demonstração da minha paixão pelas tarefas pertinentes ao mordomo, os novatos percebiam de imediato o real valor que deveriam dar às suas tarefas. Senhores, bem vindos ao extraordinário mundo da hotelaria.

Outras obras do autor: O Diário Secreto do Mordomo (Romance), Mordomo de Celebridades (Contos), Encontros Forçados
(Peça teatral em três atos), O sonho (Peça teatral em dois atos) e O Robot (Peça teatral em dois atos).

Serviço:

Meia-Noite, na Avenida Paulista
Queiroz Queiroz
Scortecci Editora
Contos
ISBN 978-85-366-3674-0
Formato 14 x 21 cm 
156 páginas
1ª edição - 2014

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home