ENREDOS / Gonzaga de Freitas

Enredos é uma coletânea de poemas inspirados no cotidiano. Alguns, reais, porém, com pinceladas coloridas; outros, fictícios, imaginários, mas que podem refletir uma realidade presente ou uma realidade pretérita mergulhada no subconsciente e agora aflorada. De visão futurista, pode até haver algum. O autor não buscou ou pretendeu o brilho do ouro clássico; busca o entendimento da simplicidade das palavras para dar a cada poema o seu enredo, com princípio, meio e fim, conclusivamente. O enredo de cada poema forma o conjunto de Enredos. Sonhos, aspirações, realismo, romantismo e ritmo se misturam numa profusão de cores em que se projeta o conteúdo desta obra.

No seu onirismo poético, Gonzaga de Freitas aborda temas de amor, de solidão, de egoísmo, de liberdade, de expectativa e de cunho social no campo do palpável e no campo do impalpável. Seus versos, ora suaves e líricos, ora contundentes e realistas, dão um toque especial no seu estilo de cantar os arroubos da alma, num tom colorido que trilha por todo o conteúdo da obra. Na busca do equilíbrio do maior sentimento humano, o amor, da beleza da vida e da harmonia do seu conjunto, às vezes se perde no labirinto do próprio amor, nos seus poemas contraditórios. É a alma, é o homem, um ser inconstante, em busca da perfeição.
OBRAS PUBLICADAS

Livros
Indômito desejo;
Momentos...
Em Antologias
Conto: ‘‘O livro’’
Crônica: ‘‘Comprovante de residência’’
Em revistas
Poemas e Crônicas

Serviço:

Enredos
Gonzaga de Freitas

Scortecci Editora
Poesia
ISBN 978-85-366-3805-8
Formato 14 x 21 cm 
84 páginas
1ª edição - 2014

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home