ANDANDO POR AÍ / Fred Mourão

No meu primeiro livro, Saí pra dar uma volta, partilho todas as minhas experiências dos dois anos que passei dando a volta ao mundo. No segundo, Como planejar sua viagem de mochila, compartilho todos os macetes que aprendi viajando pelo Brasil, pela Europa, pelo Mundo, desde a adolescência.  Agora neste, o terceiro, coloco tudo o que senti e vivi após a minha “reentrada”, meu retorno ao Brasil, a partir de 2007. Espero que goste.

Sou um cara que fala muito, que dá bola fora, que é superafetivo, que gosta de se relacionar com pessoas, que está permanentemente se questionando e, claro, isso de certa forma me diverte e me pira. Na verdade me questiono o tempo inteiro: se falo demais, de menos; se quero ser o centro das atenções sempre; se sou egoísta; se me critico demais. Sei que ainda tenho que aprender a controlar muita coisa. Sigo me questionando e às vezes acho que o faço demais. Nunca estou satisfeito, sempre estou querendo mais: deveria ter feito isso, aquilo...

Sei que o que ficou pra trás já foi, não adianta reclamar. É fácil olhar do futuro porque no futuro não temos as mesmas sensações, as mesmas ideias, a mesma maturidade, o mesmo ambiente que tínhamos quando tomamos essa ou aquela decisão – então, não adianta chorar... A decisão tomada com o coração é sempre a mais acertada. Tudo tem seu tempo, o tempo certo pra acontecer. Sei que preciso de novidades todos os dias, isso incomoda muito, e quero aprender a controlar, controlar essa velocidade, ansiedade, e usá-los no momento certo. Quero ouvir mais as pessoas, entendê-las, me interessar por elas e acho que meus textos estão sendo muito bons para isso, pois estou me expondo a tal ponto que no futuro não vou ter mais o que falar, não vou ter mais como me expor, as palavras estarão gastas e daí serei obrigado a ficar mais quieto e a aprender com o meu silêncio.

Sou um canceriano típico: tenho muita imaginação, vivo imerso num mundo de sonhos, de desejos, de sutis correntes de emoção, para dar a cada coisa seu real valor. Tenho muita necessidade de segurança, por tudo o que é conhecido e familiar, reconfortante e seguro. Estou sujeito a mudanças constantes de humores, desejos, sentimentos, temores e intenções, embora aparente um temperamento sólido e equilibrado, e minha auto-proteção constante é percebida por outras pessoas como frieza. Resumindo: sou o Fred, carioca mas geneticamente nordestino, e canceriano com ascendente em Sagitário, o que explica algumas contradições.
Fred Mourão

Serviço:

Andando Por Aí
Fred Mourão

Scortecci Editora
Viagens
ISBN 978-85-366-3533-0
Formato 14 x 21 cm 
212 páginas
1ª edição - 2015

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home