TRIBUTO Á ANTIGA CEPLAC / Luiz Ferreira da Silva / Manoel Malheiros Tourinho / José Alexandre de Souza Menezes


Os autores se formaram na Ceplac, iniciando sua vida profissional logo ao saírem de suas faculdades, permanecendo até a aposentadoria, tendo participado dos áureos tempos da instituição modelar por três décadas. Por essa razão, resolveram escrever a presente obra como gratidão e para registrar a excelência de uma organização ímpar, de modo a passar às novas gerações essa sua experiência vivida. Os capítulos são sucintos, procurando oferecer uma leitura acessível aos estudantes de diversos níveis e outros segmentos da sociedade cacaueira, sem esquecer os que detêm o poder político decisório. Ênfase aos programas de impacto à economia do cacau, com destaque ao diagnóstico dos recursos naturais e socioeconômicos; a implantação da nova cacauicultura da Amazônia; e o soerguimento de uma lavoura combalida no sul da Bahia. Merece destaque o teor dos depoimentos de 13 ex-ceplaqueanos, por suas histórias de vida e informações relevantes sobre a Ceplac que, certamente, facultarão aos leitores um conhecimento profundo daquela escola que os formou. E, adicionalmente, ressalta o modus operandi de gerenciamento organizacional, no qual o espírito de corpo fortalecia a proficiência da Ceplac, sob a liderança de servidores forjados na própria casa, não havendo ingerências políticas.

Os autores:

Luiz Ferreira da Silva, 79 anos, é natural de Coruripe (AL). Engenheiro Agrônomo pela UFRRJ (1962). Iniciou-se na Ceplac em janeiro de 1963 e exerceu atividades de pesquisador/solos, bem como gerenciais: Diretor do Cepec, Diretor da Ceplac-Amazônia e Coordenador-Adjunto. Publicou 75 trabalhos técnicos sobre solos/Pedologia; Zoneamento Agroecológico e Levantamento de Recursos Naturais. Também, um livro técnico. Na fase de aposentado, prestou consultorias e editou quatro livros técnicos e treze livros literários.

Manoel Malheiros Tourinho, 76 anos, é natural das barrancas do Madeira (RO). Engenheiro Agrônomo pela Escola de Agronomia da Amazônia (1963), hoje Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra). Chegou à Ceplac em 1964 e fez carreira profissional como extensionista, educador e pesquisador. Exerceu cargos de gestor na Emarc, Depex e no Cepec. É PhD em Sociologia Rural (Wisconsin, 1982). Depois de aposentado (1988) ingressou por concurso na carreira universitária, como  Professor Titular da UFRGS (Porto Alegre) e posteriormente da Ufra (Belém), onde foi seu primeiro Reitor. Foi Diretor Nacional da Embrapa (1990 -1993).

José Alexandre de Souza Menezes, 74 anos, é natural de Serrinha (BA). Engenheiro Agrônomo pela Escola Agronômica da Bahia (1966), iniciou sua carreira profissional na Ceplac. Foi extensionista e depois pesquisador na Divisão de Socio-economia, onde teve a oportunidade de realizar pós-graduação (MS e PhD). Foi um dos mentores do Procacau e Diretor da Coordenação de Economia e Estatística da Ceplac, em Brasília. Apresentou 12 trabalhos sobre cacau na Organização Internacional do Cacau (Londres e Haia) e um livro sobre modernização do agronegócio cacau, no Cepec. Atuou como Delegado do governo brasileiro em 17 eventos, bem como realizou missões técnicas na África e na Ásia. Depois de aposentado na Ceplac, tornou-se professor titular (UFBA e UFRB).

Serviço:
Tributo á Antiga CEPLAC, 
Instituição Agrícola Única
Luiz Ferreira da Silva (Editor)
Manoel Malheiros Tourinho
José Alexandre de Souza Menezes
Scortecci Editora 
Memórias
ISBN 978-85-366-4643-5
Formato 14 x 21 cm
112 páginas
2ª edição - 2019

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home