DEUTERONÔMIO 18:15 EIS O IDEAL DO REAL: A PERENE LITURGIA DA IGUALDADE / Abadi


Como o título diz, “ideal do real” é o ideal do filho de Deus que nos é proposto como modelo, é a distância entre o bem que devemos realizar em nós e o mal do real que fica para trás. A distância da qual partimos é infinita, e sem uma liturgia idealizada em nosso céu interior o ser não se cria nos arcos do ente humano. Nesse sentido, jamais chegaremos ao fim desejado para alcançar o objetivo em conformidade com nossa conduta, com a santidade da lei santificante na máxima universalizante. Já da idealização idealizada do real em conformidade com a conduta da lei terrena ideal, gérmen da liturgia perene, deve brotar todo o bem supremo para desenvolver o poder da fé, do amor e da razão, e ter intenções de compensar a ação humana, que é sempre deficiente, de tal sorte que o homem pode, apesar de sua constante insuficiência, tornar-se agradável na persistência da procura do reino celestial. Então, eis o ideal do real, impondo ao homem uma conduta virtuosa para que se torne agradável ou agrade a Deus. Amém.

Este livro utiliza-se também das artes: música, escultura, pintura, arquitetura etc., que são um veículo para a vontade de Deus se manifestar, e, através das quais, a sociedade atual, perdida, sai dessa realidade, do real para o ideal de uma vida celestial, ou seja, o ideal é o que transcende o social, a realidade humana, e essa idealização é o sol do amanhã que, com seus raios iluminados, será mandado dos céus diretamente para todos os povos. Por isso, perene liturgia igualitária santificante. Amém.

O autor, Adroaldo dos Santos Abadi, é brasileiro, casado e pai de nove filhos. Atua como comerciante na área de hortifrutigranjeiros em Porto Alegre (RS) há mais de 25 anos e reside na cidade vizinha, Canoas (RS), onde está estruturada sua família, irmãos etc. Em que pese ser comerciante, é formado em Estudos Sociais e História pelo Centro Universitário La Salle – Unilasalle Canoas (RS) e possui curso de Geografia incompleto pela mesma instituição. Nunca havia pensado em escrever antes, pelo menos na área em que escreveu. Além desta obra, escreveu Deuteronômio 18:15: Uma Alquimia do Infinito, Deuteronômio 18:15: Metafísica da Fé, Deuteronômio 18:15: Liturgia e CircunstânciaDeuteronômio 18:15: Tempo e Consciência Histórica, Deuteronômio 18:15: Sacrossanctum Concilium do Hesmirraísmo Judaico; Deuteronômio 18:15: Dulce Miel Eloquente, Deuteronômio 18:15: Liturgia Missão e Justiça, Deuteronômio 18:15: Transcendência Céutica do Adrianismo, Deuteronômio 18:15: Transcendência Adrianista – Crônicas, Músicas e Poéticas, e Deuteronômio 18:15: Uma Liturgia Chave-Mestra.

Serviços:

Deuteronômio 18:15 
Eis o ideal do real: A perene Liturgia da Igualdade
Abadi
Scortecci Editora
Religioso
ISBN 978-85-366-5849-0
Formato 14 x 21 cm 
116 páginas
1ª edição - 2019

Mais informações:

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.
Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home