HISTÓRIAS BANCÁRIAS / Nege Além

Nege Além traz ao vivo, nesse ambiente, amostragens impressionistas, palpáveis e tangíveis, de funcionários que parecem presentes, aqui e agora. E tudo vem a relevo através apenas do comportamento normal de cada um.

Eis porque – e isto é dos bons ficcionistas – o autor não foge dos meios tons, porque sente, intuitivamente, que é através dos meios tons que as emoções, em fogo lento, se avultam e calam fundo.

Difícil destacar os melhores trabalhos aqui reunidos. Seria pura eleição pessoal. O autor joga com as emoções humanas com uma facilidade surpreendente. E é aí onde está o difícil na arte ficcional. Nasce o talento do criador, liberto de artificialismos trágicos e redundantes.

É o eterno truísmo: o difícil é ser simples sem ser fácil. Como aqui, onde até o silêncio fala. São as tais palavras mudas dos bons artistas e artífices da palavra.

Nege Além, filho de libaneses, nasceu na cidade do Rio de Janeiro (RJ), em 16 de novembro de 1923. passou a infância e a mocidade em Guaxupé, Sul de Minas. É cidadão guaxupeano. Foi sapateiro dos doze aos dezenove anos. Formou-se Contador pela Academia de Comércio “São José”, de Guaxupé, em 1942, ano em que fez também o Tiro-de-guerra. Trabalhou como guarda-livros de pequenas firmas da cidade, até ingressar como escriturário, em concurso público, no Banco Hipotecário e Agrícola do Estado de Minas Gerais, onde ficou de 1943 a 1949. em 1944, foi convocado para fazer o curso de Sargentos, o Curso Regional de Formação de Graduados – CRFG – em São João Del Rei (MG), na Segunda Guerra Mundial. Deu baixa após terminada a guerra, em 1945, como 3º Sargento. Aprovado no concurso público do Banco do Brasil, realizado em Barbacena (MG), em 1948, foi admitido como escriturário e localizado em Guaxupé. Trabalhou em oito agências do Banco e exerceu as comissões de Ajudante-de-serviço, Chefe-de-serviço, Subgerente e Gerente. Participou de diversos cursos intensivos para administradores, instituídos pelo Banco do Brasil, realizados no Rio de Janeiro e em Brasília. Aposentou-se em São João da Boa Vista (SP), como Gerente, em abril de 1979, após trinta anos de serviço, segundo ele de bem com a vida, com os homens e com o banco.
 
Serviço:

Histórias Bancárias
Nege Além
UBE / Scortecci
Ficção brasileira
ISBN 978-85-366-1420-5
Formato 14 x 21 cm - 168 páginas
1ª edição - 2009

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home