EM DEFESA DO PACIENTE / Antonio Quinto Neto / Fátima Silvana Furtado Gerolin

Informações importantes que você e seus familiares devem saber e como podem colaborar para evitar danos decorrentes do atendimento de saúde recebido. Incidentes no atendimento de saúde são eventos indesejáveis que podem resultar em danos de diferentes graus aos pacientes, tais como medicação e/ou dosagem errada; via de administração errada; cirurgia em parte errada do corpo ou cirurgia errada; infecção associada ao atendimento recebido; queda do paciente ao ser transferido de um lugar para outro. Às vezes, certas situações desagradáveis ocorrem devido ao descuido ou violação de regras.

A maioria dos incidentes, porém, acontece em virtude de uma série de falhas que se associam e atingem as pessoas que recebem cuidados de saúde. Hoje, com o avanço da tecnologia e a disseminação do conhecimento, o potencial para a ocorrência de incidentes na assistência à saúde é significativamente maior do que há um século. Pacientes e familiares podem e devem colaborar para diminuir incidentes e aumentar a segurança no atendimento recebido. Como consumidor de serviços de saúde, cada um de nós necessita tornar-se mais envolvido com a própria saúde, fazendo perguntas e buscando informações para ter mais consciência sobre a doença e suas causas, bem como sobre o tratamento e suas consequências.

Cada vez mais se reconhece que o paciente e os seus familiares são observadores privilegiados do cenário onde ocorre o atendimento de saúde. O paciente, em especial, percebe quando é tratado de forma desumana, compreende quando um acesso venoso foi executado de forma cuidadosa ou não, vê as contradições, os desacertos e até mesmo alguns incidentes. Adquire relevância, portanto, as percepções do paciente e dos familiares nos ambientes onde são prestados os cuidados de saúde – consultórios, clínicas, hospitais, serviços especializados, centros de diagnóstico, laboratórios de análises clínicas e serviços odontológicos.

Antonio Quinto Neto, Médico psiquiatra, especialista em Administração Hospitalar pelo IAHCS/ PUCRS, mestre em Administração pela Universidade do Rio Grande do Sul. Foi Diretor de dois hospitais em Porto Alegre/ RS. É docente da Escola Superior de Gestão e Ciências da Saúde (Porto Alegre) e da Fundação Unimed Belo Horizonte (Minas Gerais). Autor de livros e artigos relacionados com a Qualidade dos Serviços de Saúde, e também com a Acreditação e Segurança do Paciente. É membro do Conselho Editorial da Revista de Administração em Saúde (RAS). Atualmente é conferencista e presta assessoramento para organizações de saúde em projetos de melhoria da segurança do paciente, qualidade dos serviços e preparação para acreditação.

Fátima Silvana Furtado Gerolin, enfermeira graduada pela Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo – USP e mestrado em Enfermagem - Saúde do Adulto Hospitalizado – USP. Possui também especialização em Qualidade pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e MBA em Economia e Gestão em Saúde pela UNIFESP. Atualmente é superintendente Assistencial do Hospital Alemão Oswaldo Cruz – São Paulo/SP.

Serviço:

Em Defesa do Paciente
Antonio Quinto Neto
Fátima Silvana Furtado Gerolin

Scortecci Editora
Saúde
ISBN 978-85-366-3124-0
Formato 14 x 21 cm
64 páginas
1ª edição - 2013

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home