UM CAMINHO, UM PRESENTE! SANTIAGO DE COMPOSTELA / Marcos Fernando Prandi

Um breve relato sobre O Caminho de Santiago de Compostela - Segundo uma tradição, após a dispersão dos apóstolos pelo mundo, São Tiago, filho de Zebedeo e Salomé, foi pregar as “boas novas” em regiões longínquas, chegando à Finisterrae, no extremo oeste da Espanha, julgava-se que ali terminava a terra. Após seis anos de pregar nessa região, resolveu voltar à Palestina e, após um curto período de pregação, foi preso, sentenciado à morte, decapitado e seu corpo jogado para fora das muralhas de Jerusalém, por ordem de Herodes Agrippa.

Dois de seus discípulos, Teodoro e Atanásio, recolheram seus restos, embalsamaram e levaram de volta ao ocidente de navio, aportando na antiga cidade de Iria Flávia, na costa oeste espanhola, sepultando-o secretamente em um bosque de difícil acesso. Passaram-se quase setecentos anos, quando um ermitão chamado Pelayo começou a observar um estranho fenômeno que ocorria neste mesmo lugar: uma verdadeira chuva de estrelas caía todas as noites sobre um ponto no bosque, emanando uma luminosidade intensa. Chegando este fato ao conhecimento do Bispo Teodomiro de Iria Flávia, ele ordenou que fossem feitas escavações, onde encontrou uma arca de mármore com os ossos do santo.

Então o Rei Afonso II mandou construir uma capela e um monastério nesse local. A partir do ano 845 d.C. a notícia se espalhou e pessoas começaram a deslocar-se a fim de conhecer o sepulcro. Já em 862, dado ao fluxo muito grande de peregrinos, os restos mortais foram transladados para Santiago de Compostela. Atualmente, cerca de vinte mil pessoas de todas as idades e nacionalidades percorrem este caminho anualmente, levando consigo pensamentos diversos, esperanças à procura de respostas que somente encontramos quando nos silenciamos junto a Deus. Em 1993, o Caminho de Santiago de Compostela foi declarado Patrimônio da Humanidade por Decreto da Unesco.

Uma viagem inspiradora que o autor nos leva ao percorrer o Caminho de Santiago de Compostela. Em cada passo uma nova descoberta, permeando a paisagem deslumbrante, momentos de solidão. A saudade da família abrandada pelo encontro com novos amigos, por vezes compartilhando um silêncio cúmplice, companheiros de uma mesma peregrinação. A gratidão e a restauração da fé vão chegando de mansinho, ao olhar o caminho percorrido, na peregrinação e na vida. O desconforto e o isolamento são lembranças tênues de dificuldades superadas, ficam apenas as calorosas ceias repletas dos sons de idiomas diversos, risos, rostos estranhos, histórias de vida e o caminho por vezes árido, mas sempre extasiante: os mosteiros, as catedrais imponentes, as orações... Preces por todos... Uma grande aventura de autoconhecimento, superação e amor.

Marcos Fernando Prandi tem dois filhos: Fernando e Tiago e é casado em segundas núpcias com Sônia há 12 anos. Nascido e criado em Santos, morou fora, viajou muito, mas suas raízes estão fincadas na sua cidade natal. Formado em Administração em Santos, com pós-graduação em Economia pela Fundação Getúlio Vargas, já foi bancário, empresário, gerente de shopping e hoje dedica-se à uma de suas grandes paixões: lecionar. Professor universitário na Fatec – Rubens Lara e na Universidade Santa Cecília, também adora viajar e nas horas livres dedica-se à canoagem havaiana, gastronomia e a contar ótimas histórias para seus familiares e amigos acompanhadas sempre de um bom vinho.

Serviço:

Um Caminho, Um Presente!
Santiago de Compostela
Marcos Fernando Prandi
Scortecci Editora
Romance
ISBN 978-85-366-3424-1
Formato 14 x 21 cm
páginas
1ª edição - 2013

Mais informações:

Catálogo Virtual de Publicações

Para comprar este livro verifique na Livraria e Loja Virtual Asabeça se a obra está disponível para comercialização.

Voltar Topo Enviar a um amigo Imprimir Home